domingo, 30 de agosto de 2009

PERDER-SE A SI MESMO

Uma vez que se tenha encontrado a si mesmo, é preciso saber, de tempo em tempo perder-se - e depois reencontrar-se: pressuposto que se seja um pensador. A este, com efeito, é prejudicial estar sempre ligado a uma pessoa." Nietzsche.A partir desta reflexão de Nietzsche, é possível pensar nas várias maneiras de exercermos a nossa liberdade, mesmo que para isso seja necessário nos perdermos.A grande sabedoria está no saber perder-se a si mesmo e em seguida buscar o caminho do reencontro consigo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário